Translate

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

Primeiro Amor - Parte 2

Mas como não gostar? Não só estudávamos juntos, como morávamos no mesmo bairro, íamos  na mesma igreja...acho que passava mais tempo com ele do que com meu irmão rsrs



Pela manhã as vezes tínhamos aula de educação física, olha a gente junto. No intermediário, de 10:30 até as 15:00 horas, também estávamos juntos e da tarde para a noite era um piscar de olhos e ainda assim nós estávamos juntos no telefone, no ponto de ônibus e ainda tinha uma tia que vendia chopp (que é sacolé ou dindim depende de como você conhece rs) que por sinal era muito bom, mas convenhamos não era só por isso que eu ia comprar, a casa da tia era na rua da casa dele. Pense numa pessoa que comprava chopp, era eu! Nos fins de semana sempre a gente arrumava um jeito de se ver afinal eu morava na outra rua.. então até dar uma de bicicleta era oportunidade.


Tinha como não inverter amizade em outra coisa? Acho que não, 


é muito, mas muito difícil ter uma amizade do sexo 

oposto com convivência contante e diária e ficar só por isso mesmo

 porque não foi só uma mas por outras vezes, quem lê o blog sabe

que prefiro as amizades de garotos e se não os dois se atraem pelo

menos um vai ficar querendo já tive que desfazer algumas 

amizades por isso. Então, se você quer evitar esse tipo de situação

saiba separar e impor bem os limites de uma amizade ou faça pelo

caminho mais simples não siga meu exemplo.


Continua...


Pra quem perdeu os post da historia

Beijinhoss